07/11/2013
EM DEFESA DE DONATO, HADDAD AFASTA SERVIDORA


EM DEFESA DE DONATO, HADDAD AFASTA SERVIDORA - IMAGEM 1


Auditora Paula Sayuri Nagamati citou dinheiro para campanha de petista em depoimento sobre esquema que provocou um rombo de R$ 500 milhões na prefeitura; "Eles (o grupo) terão de provar o que dizem. Entre a palavra de um cidadão de bem e de um criminoso confesso, eu fico com o cidadão de bem até que se prove ao contrário", afirmou o prefeito de SP
7 DE NOVEMBRO DE 2013 ÀS 06:28

247 – Em mais uma demonstração de defesa do secretário de Governo, Antonio Donato, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), afastou do cargo a auditora fiscal Paula Sayuri Nagamati.

Em depoimento ao Ministério Público, ela disse ter ouvido de um auditor preso sobre uma colaboração à campanha de Donato à Câmara, em 2008, com "dinheiro fruto da fiscalização", segundo informações do "O Estado de S. Paulo".

Haddad e a direção municipal do PT já tinham feito a defesa do secretário e acusado a auditora de envolvimento no esquema que provocou um rombo de R$ 500 milhões na prefeitura. "Eles (o grupo) terão de provar o que dizem. Entre a palavra de um cidadão de bem e de um criminoso confesso, eu fico com o cidadão de bem até que se prove ao contrário", afirmou Haddad.

O diretório municipal do partido criticou o "vazamento seletivo" de depoimentos do Ministério Público com a intenção de "politizar" a questão.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter



Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis,
Bares e Restaurantes de Serra Negra

Rua Duque de Caxias 135
Sala 01 - CEP: 13930-000
Tel: 19 3892-6039
Email: contato@sechssn.com.br