26/04/2014
LINDBERGH SUGERE A DILMA NÃO SE EXPOR NO RIO


LINDBERGH SUGERE A DILMA NÃO SE EXPOR NO RIO - IMAGEM 1


Incomodado com a falta de apoio do Palácio do Planalto às suas pretensões políticas, o candidato do PT ao governo do Rio de Janeiro, Lindbergh Farias (PT-RJ), desabafou; "A presidente Dilma pode fazer campanha para Pezão, Garotinho, Crivella e para quem mais ela quiser", disse ele; "A única coisa que sugiro é que ela seja mais modesta, não se exponha muito aqui já que a tendência no Rio é o de potencializar cada vez mais o clima antioficial nas eleições"
26 DE ABRIL DE 2014 ÀS 09:02

Rio 247 - O senador Lindbergh Farias (PT-RJ), aparentemente, se cansou de ser desprezado pela presidente Dilma Rousseff, que não demonstra muito entusiasmo com sua candidatura ao Palácio Guanabara – "invenção do Lula", como ela teria dito.

Numa rápida entrevista ao jornalista Jorge Bastos Moreno, do Globo, Lindbergh desabafou e sugeriu a Dilma que não se exponha muito no Rio de Janeiro. "A presidente Dilma pode fazer campanha para Pezão, Garotinho, Crivella e para quem mais ela quiser", disse ele; "A única coisa que sugiro – até como devedor dela e do presidente Lula, pela existência da minha candidatura – é que ela seja mais modesta, não se exponha muito aqui já que a tendência no Rio é o de potencializar cada vez mais o clima antioficial nas eleições".

A candidatura de Lindbergh é hoje o principal ponto de tensão na relação entre os dois principais partidos da base aliada: PT e PMDB. No Rio de Janeiro, o presidente do PMDB, Jorge Picciani, insiste na aliança "Aezão", entre o governador Luiz Fernando Pezão e o senador Aécio Neves, caso a postulação de Lindbergh seja mantida.

Ontem, ao participar da inauguração de um porto no Pará, a presidente Dilma disse ter certeza de que PT e PMDB estarão juntos em 2014, no plano nacional.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter



Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis,
Bares e Restaurantes de Serra Negra

Rua Duque de Caxias 135
Sala 01 - CEP: 13930-000
Tel: 19 3892-6039
Email: contato@sechssn.com.br