07/11/2012
QUEM SÃO OS 79 DE VALÉRIO, DR. ANTONIO FERNANDO?


QUEM SÃO OS 79 DE VALÉRIO, DR. ANTONIO FERNANDO? - IMAGEM 1


Advogado de Marcos Valério, Marcelo Leonardo, faz uma revelação bombástica. Diz que entregou ao ex-procurador-geral da República, Antônio Fernando de Souza, o mesmo que denunciou o PT, uma relação com nomes de 79 políticos que embolsaram recursos do mensalão tucano, de Eduardo Azeredo, "com valores recebidos e comprovantes". Indagado a respeito, o ex-procurador teve um surto de esquecimento. "Faz tanto tempo que saí de lá, quase quatro anos, que sinceramente não tenho lembrança", disse ele
7 DE NOVEMBRO DE 2012 ÀS 10:03

247 - A reportagem está no pé da página A4 do jornal Estado de São Paulo, mas seu conteúdo é explosivo. Um dia depois de revelar, por carta ao jornalista Luis Nassif, que Marcos Valério entregou à procuradoria-geral da República os nomes dos políticos beneficiados pelo chamado mensalão tucano, ocorrido em 1998, na tentativa frustrada de reeleição do governador Eduardo Azeredo, o advogado Marcelo Leonardo voltou ao tema. E colocou o ex-procurador-geral Antonio Fernando de Souza, o mesmo que denunciou o chamado mensalão petista, em maus lençóis.

No texto do jornalista Fausto Macedo, um dos mais experientes profissionais da imprensa brasileira, está dito textualmente por Marcelo Leonardo o que vai a seguir:

"Entreguei, na ocasião, a lista com os nomes de parlamentares e ex-parlamentares, 79 nomes ao todo, com valores recebidos e comprovantes. Mas ele (Antonio Fernando) entendeu que o crime estava prescrito porque os fatos se deram em 1998. O procurador considerou que, como crime eleitoral, já estava prescrito, e a pena é pequena".

Ou seja: Marcos Valério entregou ao mesmo procurador que denunciou o mensalão petista, que está sendo julgado, o nome de 79 políticos beneficiados pelo mensalão tucano. Mais: entregou recibos e comprovantes de depósitos. Mas nada se fez a respeito.

Além de ouvir o advogado Marcelo Leonardo, Fausto Macedo também entrevisou o ex-procurador Antonio Fernando, que foi sucedido por Roberto Gurgel. "Faz tanto tempo que saí de lá, quase quatro anos, que sinceramente não tenho lembrança desse caso específico", disse Antonio Fernando, num surto de esquecimento. "Tenho quase certeza de que não se tratou de crime eleitoral, mas acho que era a tal lista de Furnas sobre a qual havia dúvida de sua autenticidade".

Não, Dr. Antonio Fernando. Na verdade, eram recibos de depósitos apresentados pelo próprio depositante, Marcos Valério. Para checar a autenticidade, bastaria buscar os registros bancários. Cabe, agora, à procuradoria-geral da República informar o que foi feito com as provas apresentadas por Marcos Valério contra 79 políticos beneficiados pelo mensalão tucano, que foi abastecido com recursos das estatais Copasa (R$ 1,5 milhão), Comig (R$ 1,5 milhão) e Bemge (R$ 500 mil).

COMENTÁRIOS

209 comentários em "Quem são os 79 de Valério, Dr. Antonio Fernando?"

leitor ancioso 7.11.2012 às 17:26
Já cheguei a um veredito, como titular do poder que me confere a Constituição Federal: "condeno à pena de reclusão em regime fechado, por 100(cem)anos de prisão, o Sr. Antonio Fernanado de Souza, por impedir que os corruptos ativos, passivos, quadrilheiros, lavadores de dinheiro do Mensalão Tucano, com base na jurisprudência produzida pelo Supremo Tribunal Federal Brasileiro.....
Ana Rego Pinto 7.11.2012 às 17:17
Tucano é malandro,em todo esquema de corrupção tem juiz , procurador e alguem da imprensa recebendo um cala boca do partido para garantir a "honestidade" dos envolvidos.
Marcos 7.11.2012 às 16:41
O que pergunto é por que, até agora, o PT não acionou o Ministério Público, para que desenterre esse processo? Será que gosta de apanhar?
Os 79 Ladrões Tucanos 7.11.2012 às 16:14
Que é isso minha gente. Olha só esse número, 79. É Tucano que não acaba mais recebendo MENSALÃO. E aí PIG, e aí PGR, e aí STF, não vão fazer nada?
MENSALÃO DO PT 7.11.2012 às 15:52
SE COMPARADO A LISTA DE FURNAS, SERIA COISA DE AMADORES: "" CAIXA 2 DE FURNAS - DIMAS TOLEDO - 39.910 MILHÕES DE REAIS Os dados foram transpostos para a planilha, para facilitar a visualização e para tornar a compreensão mais didática, sendo a transcrição exata e fiel do conteúdo dos documentos. PRESIDÊNCIA José Serra PSDB-SP 7.000.000,00 GOVERNADOR-SP Geraldo Alckimin PSDB-SP 9.300.000,00 GOVERNADOR-MG Aécio Neves PSDB-MG 5.500.000,00 SENADORES - RJ Sérgio Cabral PMDB-RJ 500.000,00 Arthur da Távola PSDB-RJ 350.000,00 Marcelo Crivella PL-RJ 250.000,00 TOTAL DE SENADOR RJ 1.100.000 ,00 SENADOR-MG Eduardo Azeredo PSDB-MG 550.000,00 Hélio Costa PMDB-MG 400.000,00 Zezé Perrella PFL-MG 350.000,00 TOTAL DE SENADOR MG , a merda é que os petistas não dividiram o produto com o PIG e companhia.
Maria Gorete Silva 7.11.2012 às 15:31
Porque este Careca FDP, não divulga esta lista na imprensa. Se entregou ao procurador, já é informação pública é só divulgar. Agora fazer marola para querer limpar sua barra é fácil. Chega de meias palavras fala tudo Careca Idiota.Entrega geral que o Brasil agradece.Porque este Careca FDP, não divulga esta lista na imprensa. Se entregou ao procurador, já é informação pública é só divulgar. Agora fazer marola para querer limpar sua barra é fácil. Chega de meias palavras fala tudo Careca Idiota.Entrega geral que o Brasil agradece.
Eduardo Cottini 7.11.2012 às 15:28
Até o min. Gilmar Mendes recebeu dinheiro do valerioduto tucano de MG, o FHC, o filho dele, o Ronaldo Cezar Coelho... shi... se investigarem mesmo...
Eduardo Cottini 7.11.2012 às 15:26
No caso do mensalão tucano em MG, há, comprovadamente, dinheiro público. Copasa, Comig e Bemge. Provávelmente até da Cemig. E a modelo assassinada? Cristiane Ferreira? Vai ficar por isso mesmo?
QUERER PRENDER 7.11.2012 às 15:07
DIRCEU, GENOINO E DELUBIO E DEIXAR O AZEREDO DE FORA , não tem nenhuma lógica, os crimes do Azeredo foram bem piores, e a pergunta que não quer calar: Por que os tucanos mexeram os pauzinhos para livrarem a cara do Anderson Adauto e do Valdemar Costa Neto? Temiam que se punissem os dois, esses poderiam tentar negociar uma delação premiada? Pois os dois conheciam as podridões dos dois lados, pesquisem, saberão que eles também constam da lista de furnas e me parece que Adauto também era da base do Azeredo quando este era governador.
Jorge MG (PCdoB) 7.11.2012 às 15:07

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter



Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis,
Bares e Restaurantes de Serra Negra

Rua Duque de Caxias 135
Sala 01 - CEP: 13930-000
Tel: 19 3892-6039
Email: contato@sechssn.com.br