29/05/2014
RONALDO: "TEM QUE BAIXAR O CACETE EM VÂNDALOS"


RONALDO:


Ex-jogador Ronaldo se disse favorável às manifestações que os brasileiros têm feito pelas ruas contra a corrupção, mas defendeu repressão aos vândalos; "Os protestos são sempre válidos. Os protestantes que vão às ruas exigir as coisas que a população tem direito. Mas no momento que tem vândalos mascarados, a polícia tem que conter", disse ele, nesta quinta (29), durante sabatina da Folha; segundo Ronaldo, "momento de fazer a maior manifestação da história é em 5 de outubro", dia das eleições
29 DE MAIO DE 2014 ÀS 20:07

247 - Membro do Comitê Organizador Local (COL), o ex-jogador Ronaldo defendeu as manifestações que os brasileiros têm feito pelas ruas contra a corrupção. No entanto, o Fenômeno fez uma ressalva sobre a presença de vândalos nos protestos.

"Os protestos são sempre válidos. Os protestantes que vão às ruas exigir as coisas que a população tem direito. Mas no momento que tem vândalos mascarados, a polícia tem que conter. Acho que o povo brasileiro está em um momento de exigir coisas em diversos setores. Só que parece que acordou todo mundo e tem muitas opiniões soltas e um pega do outro e ninguém sabe para onde ir. Sobre os vândalos, acho que tem que baixar o cacete neles, tirar da rua", disse durante sabatina do jornal Folha de S. Paulo nesta quinta-feira (29).

Ele disse ainda que os brasileiros têm a oportunidade de fazer uma grande manifestação nas eleições deste ano. "Eu protesto do meu jeito. A indignação é a mesma do povo. Acho que o povo tem que se unir. E agora acho que temos a possibilidade de fazer a maior manifestação da história, no dia 5 de outubro", afirmou.

O ex-atacante falou novamente sobre o sentimento de vergonha em relação a Copa do Mundo. "Eu sinalizei principalmente as obras de infraestrutura e não exatamente os estádios, quis dizer as obras que ficariam de legado para a população. Os estádios eram exigência principal da Fifa para fazer a Copa. Os estádios estão quase todos terminados, mal ou bem, vão estar prontos. Como eu disse para a Reuters, a minha vergonha é pela população que esperava realmente esses grandes investimentos, esse grande legado de Copa do Mundo para eles mesmos, para população, reformas de aeroportos, mobilidade urbana. Tudo que foi prometido e não foi entregue. Tem estatística, é noticiado, 30% só vai ser entregue para a Copa do Mundo, essa é minha preocupação, minha vergonha. Maior prejudicado é a população", falou.

Compartilhar Facebook Compartilhar Twitter



Sindicato dos Trabalhadores em Hotéis,
Bares e Restaurantes de Serra Negra

Rua Duque de Caxias 135
Sala 01 - CEP: 13930-000
Tel: 19 3892-6039
Email: contato@sechssn.com.br